Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

1. Dia (Dom) – Recife / Tour Histórico

Imagem
Em 1637, Maurício de Nassau assumiu o governo de Pernambuco. Liderou uma revolução urbana no Recife: muitas ruas e pontes foram construídas. Visitaremos a cidade, incluindo a Praia e Igreja de Boa Viagem, Rios Capibaribe e Beberibe e suas pontes, Capela Dourada. Passagem pelo Forte das Cinco Pontas, Ruas do Sol e da Aurora, Forte do Brum, Pátio de São Pedro, Campo das Princesas, Ponte Maurício de Nassau (local da mais antiga do Brasil). Visitaremos Olinda, Capital de Pernambuco até 1937, possui importante conjunto arquitetônico colonial e por isso em 1982 seu centro histórico foi declarado Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, Cidade Monumento Histórico e Artístico Universal.

2. Dia (Seg) – Recife / João Pessoa / Cabedelo

Imagem
Pela manhã à capital paraibana, terceiro centro urbano construído no Brasil. João Pessoa registra em sua história a presença de franceses, holandeses e portugueses. Repleta de relíquias como igrejas, Museus, parques e antigas construções é um importante centro turístico do Nordeste. O Teatro Santa Rosa é um dos mais antigos do Brasil, de 1888. O Centro Cultural São Francisco, de 1589, levou quase 200 anos para ficar pronto. Seu conjunto barroco é composto pela Igreja de São Francisco, Convento de Santo Antônio e Museu de Cultura Popular, que tem exposições permanentes de peças do folclore e arte sacra. Além de belíssimas praias, é uma das cidades com mais árvores no mundo. Ponta do Seixas, próximo a Cabo Branco é o ponto mais setentrional do Brasil é lá que os primeiro raios de sol chegam ao Brasil.

3. Dia (Ter) – João Pessoa / Pipa / Natal

Imagem
Pela manhã seguiremos a Pipa, vila de pescadores descoberta por surfistas na década de 70. Pipa é uma das praias de maior movimento do Estado. Bares e restaurantes animam a vida noturna. A vila de pescadores possui incríveis belezas naturais como as falésias coloridas, areias finíssimas, águas claras e quentes, além de maravilhosos golfinhos que podem ser vistos desde o alto das falésias. O espetáculo começa já na estrada, junto à vizinha Tibau do Sul, com vista rara do Lago desembocando no mar, em meio a falésias avermelhadas. O esplendor da Praia do Madeiro, a serena Baía dos Golfinhos são cenários únicos. A área da reserva ambiental das tartarugas marinhas da Praia das Minas é um santuário ecológico. À noite, alojamento no Hotel.

4. Dia (Qua) – Natal / City Tour + Pirangi

Imagem
Natal está situada en la ribera del Río Potengi cerca del Natal, está situada à margem do rio Potengi, próxima ao Atlântico, numa área com dunas e enseadas protegidas por um cordão de recifes que acompanham a costa. Em 1597 chegou à Foz do Potengi uma frota comandada por Jerônimo de Albuquerque, com a missão de fundar um povoado e um forte para assegurar a posse de Portugal e afastar os franceses que comercializavam com os índios potiguares. Em 1598 foi iniciada a construção do Forte dos Três Reis Magos. Construiu-se a uma légua do Forte, uma povoação que em 1599 recebeu o nome de Natal, em alusão ao dia da fundação. O centro de Turismo, na antiga casa de detenção tem lojas de artesanato e palco para manifestações folclóricas. Parada no maior cajueiro do mundo em Pirangi.

5. Dia (Qui) – Natal / Dunas de Genipabu

Imagem
Depois do café-da-manhã recomendamos passeio de buggy pelas dunas de Genipabu. Cruzaremos o Rio Potengi – Natal - Redinha em barco. O circuito inclui paradas para banho nas águas do lago e do mar em piscinas naturais, e passeio em camelos pelas dunas. É pura emoção nas areias, sem mencionar a beleza cinematográfica do lugar. Aproveite a melhor vista panorâmica de Natal nos cumes das dunas. Prove o lagostinho rei no Restaurante Camarões, em Ponta Negra, y passeie pelo calçadão. Aprecie a mais bela enseada do Brasil, adornada por balsas.

6. Dia (Sex) – Natal / Canoa Quebrada

Imagem
Pela manhã desfrutaremos Canoa Quebrada. Desfrutaremos dunas de areia finíssima, falésias coloridas estendendo-se como uma muralha em frente ao mar e ondas de água quente. Um lugar que nos surpreende pela beleza paradisíaca. Seu nome lhe foi dado, possivelmente, quando o navegador português Francisco Ayres da Cunha, em 1650, ficou encalhado com seu barco nas pedras. Canoa oferece uma grande variedade de atrações entre bares, restaurantes e clubes noturnos. Essa é a praia para quem busca entretenimento. Canoa Quebrada está localizada na costa leste do estado do Ceará a 166 Km da capital Fortaleza. Almoçaremos (opcional) em barracas na beira mar e passaremos um dia inesquecível.

7. Dia (Sab) – Canoa Quebrada / Morro Branco / Praia das Fontes / Fortaleza

Imagem Imagem
Despertaremos de acordo com o estado da maré. Depois do café-da-manhã, viagem em buggy pelo litoral da costa com o sol nascente, desfrutando das falésias de areias coloridas, as densas plantações de palmeiras que compõem uma bela paisagem com diversos rios de grande importância para a historia do Ceará.

8. Dia (Dom) – Fortaleza / City Tour

Imagem Imagem
Pela manhã visita à cidade incluindo: Via litorânea com as praias de Iracema Meireles e do Futuro; Museu de Arte e Cultura Popular, Museu Antropólogo, Cultural Metropolitano, Fortaleza Nossa Senhora (séc.XXVII), Teatro José de Alencar e Centro de Turismo; onde é impossível resistir à compra de uma peça do rico artesanato cearense: madeira, couro, cerâmica, rendas “filé” e “labirinto”, essências, licores.

9. Dia (Seg) – Fortaleza / Cumbuco

Imagem Imagem
A principal atração da Praya de Cumbuco são as dunas de areia branca e fina. Ali todo mundo passeia de buggy (opcional) o esporte mais popular do Ceará, no qual se desliza duna abaixo sentado ou de pé numa tábua parecida a um skate. Os passeios de buggy podem ser feitos com ou sem emoção e deve se preparar para enfrentar dunas de até 10 metros de altura (opcional). Pela noite sugerimos o show folclórico no “El Pirata” onde você se mistura aos artistas e participa de várias danças típicas de nossa região.

10. Dia (Ter) – Fortaleza / Ponta do Mel

Imagem
Após café da manhã seguiremos para Ponta do Mel, praia semi-deserta com falésias avistando-se o mar de águas calmas, com pescadores separando peixe e o Farol orientando as embarcações. Da varanda dos chalés apreciaremos o mar azul-turquesa que se mantém sereno e a brisa, constante. Ponta do Mel é um sertão à beira mar. A mistura da areia branca com a terra vermelha do tabuleiro, forma as dunas do rosado, na vizinha Porto do Mangue. A coloração impressiona até o mais viajado turista. As dunas redondas compõem um cenário inesquecível. “É um mirante natural para a imensidão da Costa Branca”. Uma maravilha escondida naesquina do Brasil. Os povoados convivem com a tecnologia utilizada na extração de petróleo e sal. Alojamento para pernoite.

11. Dia (Qua) – Ponta do Mel / Galinhos / Galo / Tourinhos / São Miguel do Gostoso

Imagem Imagem
Galinhos é uma península rodeada por dunas, sal e rio. Aqui o sertão se encontra com o mar. É somente olhar ao redor para ver a vegetação característica da região. Possui mangues, minas de sal e criação de camarões. Aldeia de pescadores desde sua fundação, o nome existe devido a grande quantidade de peixe-galo e da aglomeração da pesca que se formou na praia. Galinhos é somente acessível pelo mar ou em Buggy, quase uma ilha. Um dos trechos mais bonitos do litoral é Tourinhos.

12. Dia (Qui) – São Miguel do Gostoso / Maracajau / Natal

Imagem
Hoje também obedeceremos aos níveis da maré continuando com nosso passeio de sol, mar, águas clara e quentes, areias finas e muitas palmeiras. Na Praia de Perobas nos submergiremos nas piscinas naturais de águas rasas e cristalinas. Prove “a moqueca de arraia” no Restaurante Pólo das Águas”, uma especialidade local. Passando por Rio de Fogo, chegaremos a Maracajaú, a nova estrela do turismo Potiguar. S praia é linda, enseada com palmeiras no lado direito. Saboreie “o cocorote” um biscoito feito com farinha de trigo e coco.

13. Dia (Sex) – Natal / Tambaba

Imagem
Depois do café-da-manhã seguiremos para alojamento em Tambaba, praia naturalista do litoral do Nordeste. Existem três praias e só uma obedece aos códigos éticos da Sociedade Naturalista de Tambaba. Somente é permitida a entrada de pessoas desnudas. Proibido o sexo, tirar fotografias, filmar, pessoas sem acompanhante e casais gays. Passaremos para outra dimensão, onde as roupas são odiadas nos convertendo indesejáveis. Aproveite o mar de águas de tonalidades verdes e agitadas.

14. Dia (Seg) – Tambaba / Igarassu / Itamaracá

Imagem
Fundada aproximadamente em 1535 pelo fidalgo Duarte Coelho com o nome Vila de Santa Cruz foi elevada à categoria de vila em 1564. Abriga hoje a fascinante igreja de São Cosme Damião, a mais antiga igreja em funcionamento (1535) que fica próxima do terceiro Convento Franciscano instalado no Brasil, o qual guarda um fascinante conjunto de painéis pintados a óleo do século XVIII. Pinturas que contam um pouco da história da cidade. Igarassu está localizada na primeira região explorada durante a colonização portuguesa. Visitaremos a famosa ilha de Itamaracá; A reserva do peixe-boi e o Forte Orange, onde podemos atravessar até a Coroa do Avião para desfrutar o maravilhoso banho de mar, esportes náuticos e os deliciosos frutos do mar.

15. Dia (Dom) – Recife / Olinda

Imagem
Em 1637, Maurício de Nassau assumiu o governo de Pernambuco. Liderou uma revolução urbana no Recife: muitas ruas e pontes foram construídas. Visitaremos a cidade, incluindo a Praia e Igreja de Boa Viagem, Rios Capibaribe e Beberibe e suas pontes, Capela Dourada. Passagem pelo Forte das Cinco Pontas, Ruas do Sol e da Aurora, Forte do Brum, Pátio de São Pedro, Campo das Princesas, Ponte Maurício de Nassau (local da mais antiga do Brasil). Visitaremos Olinda, Capital de Pernambuco até 1937, possui importante conjunto arquitetônico colonial e por isso em 1982 seu centro histórico foi declarado Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, Cidade Monumento Histórico e Artístico Universal.